segunda-feira, junho 23, 2008

conquista de domingo [ou A vida é feita de pequenos nadas]

Está nos dedos e na língua o Enfim SOS. Parece que só se ouve essa palavra, fala perene dentro da nossa voz... Para quê? Para nada, para nenhum espectáculo, para nenhuma audição, para nenhum evento. Apenas porque me apetece. E porque se lê também ao contrário, SOS. Antes assim. Não há nada como o lanço circular de um motor ternário. O cha-cha-cha da amiga Fátima, já há muito que deixou de fazer-me sentido... [a colocação coxa do pronome é intencional, ó Rodrigues... só para não entrares para aí em hiperventilação, jejeje]

Enfim S.O.S. - Sérgio Godinho

4 comentários:

MPR disse...

SG não precisa de motivo...

naturline disse...

Adorei o blog! Parabéns!
Muitos Parabéns!!!!

Rodrigues disse...

Ainda bem que avisas! ;)

(Mas, de qualquer modo, eu já estou em hiperventilação por não me responderes ao mail... )

Manel disse...

Sempre tão simpáticos, estes tipos da sex-shop on-line. Entusiastas a cada visita como se fosse a primeira, é bonito...



[Rodriguinhas mailinda, dá-me mais um dia ou dois, por favoooor... nem sei o que estou a fazer neste momento fora da cama, quanto mais...]