domingo, maio 21, 2006

O que eu gosto de gente boa que não se cala!

"Espero que este espectáculo [os globos da sic] seja a prova de que se pode reabrir um espaço cultural como este sem usar a violência contra os animais."[Heitor Lourenço, há pouco, à entrada patetico-hollywoodesca do Campo Pequeno, citado de memória-curta]

Nestes ares lamacentos em que somos todos portugueses toureiros e fadistas a caminho de Fátima, não tem preço a voz das poucas caras do sistema com uns dedos de testa e sentido de responsabilidade. Grande Heitor!

11 comentários:

Truta Azul disse...

...Da-se! É que me tirou as palavras da boca!!!! :-)


Quanto à entrada patetico-hollywoodesca... Bem... Nem tenho palavras... É realmente como dizes.

Rodrigues disse...

Pensei exactamente o mesmo. Claro que se ele é contra as touradas, não devia pôr lá os pés de qualquer modo...
Mas já foi bom ter havido alguém a falar nisso.

Max @ Devaneios Desintéricos disse...

De facto, foi uma pedrada no charco daquele disparate. Soube bem ouvir alguém com cérebro no meio de tanta mediocridade provinciana...

Manel disse...

Por acaso não concordo, R., acho que o espaço transforma-se pela utilização, não pela recusa. O Campo Pequeno é um edifício magnífico - uma das boas memórias que tenho de adolescente é de um concerto dos Pogues, que caíu naquele espaço que nem ginjas. A minha esperança é que a afluência às touradas seja mínima e a arena se imponha gradualmente como sala de espectáculos.

Rodrigues disse...

Isso depende de para onde vai o dinheiro que é pago pelo aluguer daquilo... ;)

Truta Azul disse...

Concordo contigo, Manel! ;-)

Manel disse...

Tens razão, mas o dinheiro há-de ir para a sociedade que tomou conta da praça e que há-de desistir da tourada logo que esta signifique prejuízo e não lucro.

Ou assim o espero... ;)

violeta13 disse...

quem na terra de mudos tem boca é o imperador dos que fingem ser cegos!

Manel disse...

Assino em baixo.

Truta Laranja disse...

Custa-me lá ir... a única memória que tenho de lá ter entrado é a de ter ido ao circo, outro espectáculo deplorável.

Por que é que as escolas organizavam idas ao circo, como se fosse educativo? Espero que essa "moda" já tenha acabado.

(quem é que eu estou a enganar?...)

Eng.º Sousa Veloso disse...

Pode ser que sim, que rapidamente toda esta palhaçada de touradas passe de moda, após toda esta propaganda exagerada para nos mostrar novamente que o La Féria ainda existe e que continua igual a si mesmo, para dar lugar a eventos que realmente merecem a atenção.
No entanto ainda há muitas bestas à solta por aí...